Dicas

Dicas (6)

Se você pensa que o termo gestão de talentos é só mais um sem importância e que podem ser descartados do dia a dia, saiba que está completamente enganados.

 

A gestão de talentos é um desafio do RH de pensar “fora da caixa” na hora de encontrar profissionais mais qualificados e talentosos no mercado de trabalho.

É um termo que deve constar, diariamente, em seu vocabulário. É dever das grandes empresas treinar, incentivar e “reter” os colaboradores com o melhor desempenho. Se você encontrar o funcionário perfeito, vai querer perdê-lo? Claro que a resposta será negativa, não é mesmo?

Neste conteúdo você aprenderá:

  • O que é gestão de talentos?
  • Como fazer uma boa gestão de talentos
  • Desenvolva um plano de carreira para as equipes
  • Como reconhecer o seu funcionário
  • A melhor forma de incentivar os estudos dos funcionários
  • A busca por um clima organizacional positivo
  • Dicas para proporcionar momentos de descontração

O que é gestão de talentos?

A gestão de talentos tem como objetivo oferecer o desenvolvimento das habilidades que os colaboradores exercem na empresa, buscando incentivar o desenvolvimento pessoal de cada um deles.

Assim, futuramente, poderão liderar uma equipe ou quem sabe até mesmo um departamento dentro da instituição.

Como fazer uma boa gestão de talentos?

O método de gestão de talentos vem se tornando uma das práticas mais usadas pelo RH (Recursos Humanos), pois é essencial para quem busca um retorno positivo e rápido dos membros da equipe.

Se você está em dúvida de como fazer uma boa gestão de talentos na sua empresa e está em busca de soluções para que seus funcionários cresçam no ambiente corporativo, continue, aqui conosco, que o conteúdo de hoje traz cinco dicas de como fazer uma boa gestão de talentos na organização.

 

1. Desenvolva um plano de carreira para as equipes

plano de carreira é um dos grandes fatores que consegue motivar a equipe e os colaboradores da empresa.

É imprescindível que cada colaborador tenha em mente até onde querem chegar na instituição. O plano de carreira precisa indicar que passos ele precisa seguir e dar para conseguir se destacar no ambiente corporativo.

É importante que a empresa seja verdadeira e transparente com o profissional, deixando claro as razões pelas quais ele será  promovido. Vale citar que ela é adepta ao crescimento por meritocracia e o que lhe fará perder pontos com e dentro da instituição. Se for o caso, apresente a cartilha de normas da empresa. Assim, não corre o risco de ter conflitos internos no futuro.

 

2. Reconheça seu funcionário

Todos os colaboradores dedicam-se cotidianamente para o sucesso da empresa e esperam ser reconhecidos pelas atividades exercidas. Por mais que os trabalhos estejam pipocando na companhia, separe um tempinho para dar um feedback ao seu colaborador.

Mas, lembre-se não vale falar somente afirmações positivas. Se tiver, fale das coisas negativas também. Afinal, todos têm algo que precisa ser melhorado e também exaltado. Falar sobre isso auxilia no desenvolvimento do colaborador dentro da empresa.

 

3. Incentive seus colaboradores a estudarem

A oportunidade de continuar sempre aprendendo faz com que o colaborador tenha um vínculo mais forte e sincero com a organização. Se a sua empresa incentivar e ajudá-lo a crescer dando-lhe bolsas ou até mesmo descontos em cursos de idiomas, seu funcionário, com certeza, irá se empenhar cada vez mais no dia a dia.

Através da educação continuada, os funcionários podem ter mais recursos e conhecimentos para lidar com as tarefas na empresa. Isso faz com que gere bons resultados tanto para o empregado quanto para o empregador.

 

4. Busque manter um clima organizacional positivo

Uma das críticas mais constantes quanto ao ambiente de trabalho pelo funcionário, é o clima “tenso”. É essencial que a empresa tente manter o clima na empresa em alto astral para que os funcionários tenham mais ânimo e mantenham uma rotina com maior produtividade na empresa.

 

5. Proporcione momentos de interação

Trabalhar é legal, mas ter momentos leves no dia de trabalho dá um gás a mais na vida, não é mesmo? Reúna todos os trabalhadores da empresa e promova pelo menos uma vez por mês um happy hour. Pode ser fora ou dentro da empresa, isso fica a critério da companhia.

Esses encontros com toda a equipe fazem com que a empresa possa conhecer o funcionário como pessoa e não somente como empregado. Além disso, permite que todos os funcionários da empresa possam formar vínculos e fortalecer laços no ambiente corporativo.

Não promova esses encontros apenas em festas de final de ano. Sabe por quê? Caso um funcionário peça desligamento da empresa, você, gestor ou RH, terá perdido uma grande oportunidade de conhecer melhor as pessoas com quem convive diariamente. E, claro, isso poderia ter mudado a opinião do colaborador sobre a empresa.

 

 

Quarta, 17 Janeiro 2018 02:24

20 dicas de gerenciamento de tempo

By

Para ser capaz de gerir seu tempo adequadamente, o melhor é começar o mais cedo possível. Quanto mais cedo na vida você começar, melhor vai desenvolver essas habilidades. Dominar essas dicas de gerenciamento de tempo nos seus 20 anos vai te preparar para o sucesso pelo resto da vida. Se você ainda não desenvolveu essas habilidades, não se preocupe.


Você pode começar hoje! Escolha uma dica por dia e você vai completar a lista em menos de um mês.


1. Use um aplicativo de calendário ou uma agenda todos os dias Manter todos os seus compromissos em sua mente é ineficaz.

É por isso que pessoas bem-sucedidas usam calendários. Por exemplo, eu sugiro usar o Google Calendar. É gratuito e você pode configurá-lo para enviar e-mails de lembrete da atividades importantes. Receber um e-mail de lembrete sobre uma viagem com alguns dias de antecedência é útil.  


2. Use uma ferramenta de gerenciamento de tarefas Sim, manter uma lista de afazeres é vital para gerenciar seu tempo com sucesso.

No começo, talvez use pedaços de papel (Eu fiz isso também). Mas é muito mais eficaz utilizar uma ferramenta dedicada de gerenciamento de tarefas. Você pode usar um bloco de notas como o Moleskine ou, até, uma ferramenta digital (Ex: Microsoft Outlook, Nozbe ou o aplicativo Remember The Milk).  


3. Respeite sua necessidade de descanso ao dormir de 7 a 9 horas por dia Diminuir o descanso para ter mais diversão ou produzir mais é uma estratégia de visão curta.

Apesar de você conseguir realizar essa estratégia aos seus 20 anos, isso se torna um hábito destrutivo. Estar cansado o dia todo significa que você será capaz de fazer um uso eficaz do seu tempo, não importa o quão organizado você é. Portanto, crie o hábito de descansar de 7 a 8 horas por noite.  

4. Faça uma revisão semanal dos últimos 7 dias Aprender a como fazer uma revisão semanal é um dos melhores hábitos de gerenciamento de tempo que você pode desenvolver.

A Revisão Semanal é um conceito criado por David Allen, autor do clássico livro de produtividade A Arte de Fazer Acontecer. Para fazer uma revisão semanal, siga os próximos passos: Primeiro, revise sua agenda da semana passada até a semana atual – procure por pontas soltas, reuniões e outros assuntos que precisem de mais atenção. Segundo, revise sua caixa de e-mails (pessoal e profissional) e zere sua caixa de entrada. Terceiro, revise seus objetivos anuais e faça planos para trabalhar neles na próxima semana. Esta prática vai te ajudar a melhor planejar sua agenda e evitar surpresas desagradáveis.  


5. Planeje alcançar 4 horas de trabalho real por dia Você sabia que gerentes de projetos normalmente assumem que as pessoas serão menos do que 100% produtivas diariamente?

É verdade! Você pode ter 8 horas de trabalho por dia mas a realidade é que apenas metade do dia será altamente produtivo. O resto do dia será tomado por reuniões, e-mails, navegação na internet e atividades relacionadas. Dica: Agende suas tarefas mais importantes, de maior valor, pela manhã, antes que você se canse.  


6. Concentre-se em uma única tarefa por vez (ou melhor, não seja multitarefas!).

Multitarefa é uma forma inútil de trabalho. Ao invés disso, você realizará mais se escolher uma atividade por vez. Por exemplo, separe uma hora pela manhã para trabalhar na proposta de um cliente e, então, faça uma pausa.  


7. Separe as tarefas estratégicas das “automáticas” Tarefas estratégicas de alto valor são aquelas que as empresas e os clientes te pagam para fazer – criar novas ideias de produtos, meios de se reduzir custo e outras melhorias.

Entretanto, é difícil entregar ideias criativas o dia inteiro. Quando a última hora do dia chegar e você estiver cansado, faça as tarefas “automáticas” como instalar atualizações de segurança ou jogar fora papéis antigos.  


8. Realize grandes projetos dividindo-os em tarefas menores A habilidade de realizar grandes projetos é uma das dicas mais importantes do gerenciamento de tempo.

Por exemplo, se você for designado para organizar uma conferência corporativa em seis meses, o esforço pode parecer impossível. Comece escrevendo um plano e pedindo conselhos de pessoas que realizaram projetos similares.  


9. Estabeleça um máximo de três prioridades por dia No começo do dia, é fácil criar uma lista de afazeres com dúzias de itens.

Infelizmente, telefones não planejados, pedidos do chefe e dos outros rapidamente derrubam os melhores planos. Ao invés disso, simplesmente escolha três tarefas importantes por dia.  


10. Aprenda a delegar tarefas de forma eficaz no trabalho Gestores eficazes (e profissionais de sucesso) rotineiramente delegam tarefas para que possam se concentrar melhor em seus trabalhos.

Os passos básicos da delegação eficaz: descreva a tarefa e o prazo, explique para a pessoa que irá realizar a tarefa e peça para que te mantenha informado sobre o progresso dela.  


11. Delegue tarefas domésticas assim que você puder pagar por elas Nos seus 20 anos, você terá anos difíceis no início da carreira.

Depois que tiver recursos adicionais, procure por atividades domésticas que possam ser delegadas. Por exemplo, você pode usar um serviço de lavagem a seco para manter suas roupas profissionais em boas condições.  


12. Revise o passado para se tornar melhor, não para atribuir culpa Repetir os mesmos erros é uma das piores maneiras de usar o seu tempo, que já é limitado.

Por isso, é importante que você revise seus projetos, suas entregas e seus hábitos regularmente. Por exemplo, se seu smartphone sempre fica sem bateria durante o expediente, compre um cabo para carregar no trabalho. Colocar essa melhoria em ação vai te poupar tempo e frustração no futuro.  


13. Estabeleça prazos para todas as tarefas Atribuir prazos para si mesmo é uma das melhores maneiras de se manter organizado.

Uma tarefa sem um prazo provavelmente vai te frustrar no fim das contas. Se seu chefe te der um prazo até sexta, você vai querer terminar o trabalho na quinta, para que tenha tempo de revisá-lo.  


14. Programe o tempo de viagem em sua agenda Tempo de viagem é uma realidade que precisamos aprender a gerenciar.

Por exemplo, você pode perceber que leva 10 minutos para ir do seu escritório até um cliente. Isso significa que você não pode marcar reuniões em sequência e ainda chegar à tempo. Dica: Planeje o tempo de viagem utilizando o pior cenário (ex: congestionamento) – desse modo, você tem mais chances de chegar na hora.  


15. Coloque em prática um sistema de produtividade comprovado como o do “A Arte de Fazer Acontecer” Você não precisa cuidar de cada aspecto do gerenciamento de tempo por conta própria.

Ao invés disso, invista seu tempo lendo grandes livros de gerenciamento e coloque as ideias em ação.  


16. Coloque o descanso pessoal na sua agenda Se você está obcecado em alcançar resultados, é fácil se negligenciar e trabalhar sem parar.

É por isso que você deveria sempre ter um tempo, em sua agenda, para atividades agradáveis. Por exemplo, você pode separar os sábados à tarde para ler um bom livro em casa ou praticar esportes com os amigos.  


17. Faça pausas durante o expediente Ficar sentado o dia todo é ruim para sua saúde, de acordo com o Popular Science.

Para manter sua saúde e concentração – principais pontos para um bom gerenciamento de tempo – faça pausas de 5-10 minutos a cada hora para dar uma volta. Pegar um copo de água e se espreguiçar por alguns minutos fará maravilhas para o seu corpo.  


18. Aprenda a dizer “não” efetivamente Dizer “sim” para novas responsabilidades é uma ótima maneira para crescer na carreira quando estiver começando.

Porém, isto é um hábito que você não pode levar muito longe. Se você é alguém que gosta de agradar os outros e tem dificuldades em dizer não, leia The Power of No: Because One Little Word Can Bring Health, Abundance, and Happiness (O Poder do Não: Porque Uma Pequena Palavra Pode Trazer Saúde, Abundância e Felicidade – em tradução livre) por James Altucher e Claudia Azula Altucher.  


19. Use seus valores para tomar decisões sobre seu tempo Entender a si mesmo é essencial para gerenciar seu tempo.

Por exemplo, se o que você mais valoriza é a família, então, você terá que gerenciar seus os requerimentos do seu trabalho de acordo com esse valor. Descobrir seus valores é desafiador se você nunca pensou sobre isso antes.  


20. Admita seus erros rapidamente e siga em frente Cobrir erros desperdiça o tempo de todos, inclusive o seu próprio.

Você pode alcançar muito mais na vida se admitir seus erros, resolver o problema e seguir em frente. A maioria dos gestores está disposto a perdoar os erros, especialmente se você é honesto e trabalha duro para prevenir o erro de acontecer novamente. 

Fonte: http://tutano.trampos.co/14079-20-gerenciamento-de-tempo-antes-20/

No dia a dia, é necessário lidar com pessoas de personalidades que nem sempre nos agradam. Isso acontece porque os indivíduos aprendem diferentes valores ao longo de seus anos de desenvolvimento e, como consequência, cada pessoa tem a sua verdade e sua maneira de enxergar a vida. Para que a convivência em sociedade seja pacífica e positiva, com relacionamentos saudáveis e construtivos, é fundamental aprender a lidar com esses vários tipos de personalidade.

As pessoas arrogantes estão entre os tipos mais difíceis de conviver, pois o arrogante tem a necessidade de se sentir superior aos demais e nunca dá o braço a torcer. O grande problema é que, para se sentir bom o suficiente, este indivíduo normalmente inferioriza as outras pessoas e age como dono da verdade, tornando-se uma companhia desagradável.

Projeção emocional

No fundo, os arrogantes são pessoas com baixa autoestima e, justamente por isso, sentem necessidade de ser superior aos outros para que ninguém descubra suas inseguranças.

Pode ser extremamente cansativo conviver com pessoas que precisam provar a todo momento que são melhores e que acham que somente suas ideias são boas. Para a Inteligência Emocional, tudo o que vemos no outro é uma projeção do nosso inconsciente e geralmente temos dificuldade de lidar com alguém por causa de uma das seguintes razões:

  • Temos as mesmas características que a pessoa, e não aprovamos isso em nós mesmos;
  • Gostaríamos de ter alguma característica que a pessoa possui;
  • A pessoa tem comportamentos iguais aos de nossos pais.

Identificar o que está causando tanto incômodo é o primeiro passo para aprender a lidar com pessoas difíceis e arrogantes. Reflita sobre os motivos que fazem essa pessoa te afetar tanto e identifique se existe alguma projeção em relação a ela.

Como lidar com pessoas arrogantes

Escolha ser feliz

As pessoas arrogantes vivem para ter razão, e preferem estar com a razão do que encontrar felicidade. Enquanto todos não aceitam e reconhecem que ele está certo, o arrogante causa polêmica e discórdias, estragando qualquer momento de felicidade. O segredo é não competir e não entrar em disputa: quanto mais você bater de frente, mais arrogante a pessoa será. Por isso, deixe o orgulho de lado e escolha ser feliz, pacificando a discussão.

Mude o foco

Todas as pessoas têm pontos positivos e negativos, e o que muda sua relação com elas é justamente onde você coloca sua atenção. Se você enxerga somente o lado arrogante de uma pessoa, acaba perdendo a chance de ver quem ela realmente é.

Aceite as diferenças

Se você viver esperando que as pessoas sejam como você, dificilmente construirá relações saudáveis. Aprenda a somar em suas relações, percebendo de que forma o outro pode contribuir para sua vida.

Tenha compaixão

Todas as pessoas têm histórias e convicções diferentes. Por isso, o ideal é compreender o indivíduo, o contexto que ele vive e seus valores pessoais. Em vez de ficar apenas julgando, procure conhecer a história de vida do arrogante e, assim, entender seu comportamento. Aceite e respeite a forma de ser do outro.

Ajude sempre que possível

Converse seriamente com a pessoa arrogante, sem fazer críticas. Diga o quanto ela é importante e especial, mesmo se não tiver razão o tempo todo. Destaque a importância de respeitar a opinião dos outros, sem deixar as nossas de lado.

Algumas pessoas tendem a cultivar pensamentos pessimistas em relação a diversas áreas da vida e, com isso, acabam se tornando prisioneiras de um círculo vicioso em que pensamentos distorcidos causam diversos sentimentos ruins e potencializam uma crença muito prejudicial: a de que tudo está sempre fadado ao fracasso.

Todos os pensamentos geram reações emocionais. Consequentemente, pensamentos negativos trazem respostas emocionais negativas — como raiva, medo, tristeza, culpa e ansiedade. O primeiro passo para evitar os pensamentos ruins, portanto, é aprender a lidar com as emoções e evitar que pensamentos negativos estraguem seu dia.

Por que as pessoas são pessimistas?

Em geral, pessoas que são pessimistas tiveram uma criação mais dura, em que ouviram muitas críticas e tiveram pouco reconhecimento de seus acertos (os pais podem ter dado mais atenção aos erros e tropeços cometidos pela criança, esquecendo-se de valorizar os acertos). O contrário também ocorre: filhos superprotegidos, que cresceram com a crença de que o mundo é um local perigoso e que coisas ruins sempre podem acontecer, acabam apresentando esse comportamento de forma exagerada na vida adulta.

Dicas de Inteligência Emocional para evitar pensamentos ruins

Caso você esteja alimentando muitos pensamentos negativos que limitam a evolução de várias esferas da sua vida, chegou o momento de fazer uma revisão para criar consciência e agir contra esse padrão. Confira algumas dicas de Inteligência Emocional que poderão te ajudar a evitar pensamentos negativos:

Identifique o propósito desses pensamentos

Pensamentos negativos sinalizam que algo não está bom. Caso eles estejam apontando para uma mudança necessária e produtiva, dê espaço para que essa sensação negativa funcione como um impulsionador para uma mudança positiva. Por outro lado, se esses pensamentos são intrusivos e limitantes — que impedem uma ação efetiva para modificar algo que incomoda —, é preciso saber afastá-los de sua vida e encarar os desafios diários com mais leveza e otimismo.

Analise a situação com distanciamento

Em geral, os pensamentos negativos aparecem de maneira repetitiva e acabam se tornando parte de um ciclo viciosoautomático e prejudicial. Com o tempo, esse padrão faz com que você não consiga mais avaliar se esses são pensamentos realmente válidos, o que torna praticamente impossível a eliminação deste paradigma mesmo quando a realidade traz coisas positivas. Para evitar que isso aconteça, é importante se distanciar de seus pensamentos e questionar se eles realmente fazem sentido no contexto atual.

Cuidado com a generalização

É preciso ter cuidado para não generalizar as situações e acabar transformando um único acontecimento ruim em uma onda de eventos negativos. Não fortaleça a vitimização por conta de um deslize e entenda que acontecimentos ruins não significam que toda a sua vida está fadada ao fracasso. O ideal é que você pense da maneira oposta: as situações ruins podem funcionar como corretores de rota que conduzem sua vida para conquistas maiores e melhores.

Nenhuma emoção ou sentimento é inútil: a principal função deles é gerar ações que protejam o indivíduo, garantindo sua sobrevivência. Quando alguém tenta nos prejudicar, por exemplo, é absolutamente normal sentir raiva a ponto de experimentar um desejo por vingança. Esse desejo é fruto de um mecanismo que nos impulsiona a agir em favor da nossa proteção. Porém, trata-se de uma reação primitiva, e cabe a nós saber canalizar essa energia em ações racionais e positivas.

Existe uma crença equivocada de que a vingança é uma libertação emocional que pode ajudar o indivíduo injustiçado a se sentir melhor. Embora essa sensação de recompensa realmente possa existir, ela dura pouco tempo no cérebro e acaba prolongando a frustração inicial que motivou a vingança. Ou seja: a pessoa acaba ficando ainda mais angustiada.

As decepções e frustrações, quando bem canalizadas, podem funcionar como uma mola propulsora para o desenvolvimento de uma pessoa. Se sentir injustiçado gera raiva, tristeza e rancor — e é natural sentir essas coisas vez ou outra. Porém, ao alimentar o sentimento de vingança, você pode desencadear quadros de ansiedade, estresse e depressão.

Dicas para se livrar do desejo de vingança

Ressignifique a situação

Sempre que passamos por uma situação difícil, que gera raiva e sentimento de injustiça, é importante encontrar meios para ressignificar a experiência e aprender com ela. Canalize todo o impulso e energia que situações como essa costumam gerar e os transforme em ações positivas para seu desenvolvimento.

Assuma sua responsabilidade

Superar qualquer trauma exige que você saia do papel de vítima. Por mais que a situação tenha sido injusta, quem sofreu com ela sempre tem alguma parcela de responsabilidade — talvez tenha faltado uma imposição de limites, por exemplo. É importante refletir sobre os motivos que fizeram você atrair essa situação para sua vida e, a partir daí, rever sua atitude.

Perdoe

Perdoar é a melhor coisa que você pode fazer por si mesmo. Por mais que você tenha sido machucado e por pior que tenha sido essa decepção, o perdão pode te libertar do rancor e da amargura. Deixe o que aconteceu no passado e leve essa experiência como aprendizado, pois esta é a melhor maneira de seguir em frente e focar no que realmente importa: você.

Todas as pessoas já passaram por algum tipo de situação em que sentiram vontade de chorar durante o horário do expediente. Quem nunca foi ao banheiro do escritório para extravasar uma emoção que não podia mais ser contida?

Rodrigo Fonseca, presidente da Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional (SBie) diz que chorar é um tabu na nossa sociedade — especialmente para os homens. “As pessoas pensam que chorar é sinal de fraqueza. Porém, quando choramos, nos internalizamos mais rapidamente e podemos entrar em contato com aquilo que nos incomoda. Esse é o principal objetivo da tristeza: fazer com que cada um consiga olhar para dentro de si e entender quais são as dores que precisam ser sanadas”, explica.

Esse julgamento negativo em relação ao choro acontece, em geral, porque as pessoas têm muita dificuldade para lidar com as próprias emoções e ficam sem saber como agir ao ver outra pessoa chorando.

No ambiente corporativo, o ideal é agir com calma e tranquilidade — afinal, um profissional que deseja alcançar sucesso na carreira precisa apresentar uma postura equilibrada e ter bom senso. Por outro lado, é importante não se culpar e não sentir vergonha caso você tenha chorado no escritório: em vez disso, faça uma reflexão sobre suas emoções e entenda que elas sempre estarão presentes em todos os momentos da sua vida, sendo necessário aprender a administra-las.

Dicas para controlar o choro no trabalho

  • Separe os problemas pessoais da vida profissional;
  • Evite desabar com seu chefe ou colegas de trabalho durante o expediente. Esse tipo de atitude não ajudará com seus problemas e contribui para a improdutividade;
  • Caso o problema seja grave, tente tirar um dia de folga para resolve-lo e evite que isso interfira no seu rendimento profissional;
  • Quando se sentir triste durante o trabalho, respire fundo e pausadamente;
  • Tente não pensar nas questões pessoais enquanto estiver trabalhado, preferindo focar nas suas tarefas. Esta atitude irá servir não apenas para melhorar sua concentração, mas para te distrair dos seus problemas.

 

 


 


Conheça todo potencial da Noslidam

A importância de palestras motivacionais para empresas e funcionários

Benefícios, comissionamento, bônus, participação nos lucros, planejamento de carreira, reconhecimento e status são alguns aspectos essenciais para manter a motivação dos colaboradores de uma empresa. Vale destacar que a motivação é fundamental para que o funcionário utilize todo seu potencial para alcançar resultados cada vez melhores para a empresa.

Nesse contexto, as palestras motivacionais são ferramentas que têm ganhado destaque nas empresas que se preocupam em manter seus colaboradores motivados e, com isso, aumentar a performance, integrar equipes e alcançar resultados.


Pense Nisso!

 

 

Principais temas abordados em palestras motivacionais

As palestras motivacionais geralmente abordam temas relacionados ao desenvolvimento profissional e pessoal. Além de motivar, essas atividades ampliam a percepção e as competências pessoais, refletindo diretamente no nível de produtividade e lucratividade.

Dentre os temas mais abordados nas palestras motivacionais, podemos destacar:

– Liderança;

– Relações interpessoais;

– Foco nas metas e objetivos da equipe e da empresa;

– Aspectos comportamentais;

Desenvolvimento de habilidades;

– Aprimoramento de competências;

– Descoberta de novas capacidades;

– Ética e postura;

– Inteligência Emocional.

As palestras motivacionais para empresas e funcionários, portanto, agem muito além de questões profissionais, uma vez que desenvolvem habilidades emocionais que refletem em todas as áreas da vida.

Desenvolver e manter um relacionamento interpessoal positivo entre os colegas, superiores e clientes é a chave para um ambiente de trabalho positivo e capaz de alcançar o sucesso. As palestras motivacionais e os treinamentos de Inteligência Emocional para empresas desenvolvem a habilidade emocional dos colaboradores, levando-os a se tornarem mais equilibrados, satisfeitos e comprometidos com os resultados da empresa.

Benefícios das palestras motivacionais

As empresas podem melhorar diversos aspectos internos ao investirem em palestras motivacionais. Empresas que aplicaram palestras motivacionais com foco no desenvolvimento pessoal, emocional e profissional, puderam observar as seguintes mudanças e benefícios:

– Maior engajamento dos colaboradores;

– Melhor clima organizacional;

Maior disposição dos colaboradores para contribuir com novas ideias;

– Aumento da produtividade e lucratividade;

– Diminuição dos conflitos internos;

– Motivação das equipes participantes;

– Clareza nas metas e objetivos das equipes;

– Desenvolvimento da comunicação interpessoal;

– Lealdade e comprometimento dos colaboradores com a empresa;

–  Aumento do poder de decisão dos líderes;

– Maior entusiasmo, disposição e companheirismo no ambiente de trabalho;

– Vivência prática efetiva do espírito de equipe.

 

Temas das Palestras oferecidas pela Noslidam:

 

Educação e Valores Fazem Parte Para o Sucesso

( Motivação)

 

Atitudes que Mudam Nossas Vidas

(Responsabilidade Social)

 

Como Conquistar a Qualidade de Vida com Sucesso

(Qualidade de Vida)

 

Como trabalhar sua Inteligência Emocional

(Inteligência Emocional)

 

Como se dar bem no Ambiente de Trabalho

(Relação Interpessoal)

 

Acidente não escolhe local no Lar X Trânsito X Trabalho

(Segurança)

 

Depressão X Alcoolismo X Tabagismo X Dst X Aids

(Cuidando da Saúde)

 

Como Lidar com as Dividas

(Saúde Financeira)

 

Seja prudente no trânsito

(Direção defensiva)

 

Duração da palestra: 50 minutos aproximadamente

 

Comece ou encerre sua Sipat com chave de ouro.

 

Conheça todas as Palestras disponíveis AQUI

 

Ação Social - Projeto Há Esperança

 

Ação Social

Noslidam Palestras e Treinamentos faz parte de um trabalho social em Campinas,

com famílias e moradores de rua.

 

https://www.facebook.com/phecampinas/

 

Doações:

Projeto Há Esperança

Banco: Itaú

Agência 4271 conta 25793-5 

CNPJ 25.099.266/0001-64

Contato:  (19) 98286-7095 (WhatsApp) Robson

 

 

 

LIVROS


AUTO ESTIMA - CORAGEM - FÉ - MOTIVAÇÃO PARA VIDA

HENRIQUE DANIEL DA COSTA (Tatão)

BIOGRAFIA

Nasceu dia 15/05/1976

Devido a um parto demorado, passando da hora , faltou oxigênio no cérebro.

Causando assim falta de coordenação motora total.

Mas com muita FÉ em Deus, não afetou o intelectual dele.

Assim ele aprendeu a ler e escrever,

PORÉM com um PONTEIRO NA CABEÇA.

Obs. Quem quiser conhecer pessoalmente ele está todos os dias na barraca de

CALDO DE CANA DO TATÃO, onde sua mãe trabalha. 

Fica em LEME SP sentido capital (Via Anhanguera) SP 330 

 

Vamos ajudar 

 

Adquire já umas destas obras maravilhosas

 

 

 

Solicite

 

 

 

 

Quem Somos

Conheça um pouco mais sobre a Noslidam Palestras Treinamentos


É uma empresa que desde 2012 se destaca no mercado por valorizar e oferecer o que há de melhor e atual em atividades inovadores e criativas para os programas de Sipat,Treinamentos e Cursos.

Desde sua fundação, o cuidado com cada cliente, atendimento personalizado e dedicado faz com nossa empresa consiga atender empresas de todos os segmentos e portes com muita eficácia, sempre respeitando e valorizando o maior patrimônio de nossos clientes e parceiros.


Nossa Missão


Gerar serviços na área de saúde e segurança no trabalho, com a máxima qualidade, para que nossos clientes possam informar, aperfeiçoar, motivar e promover a saúde e o bem estar de seus funcionários.



Nossa Visão


Ser uma consultoria reconhecida pelo mercado em excelência para atividades da Sipat,Treinamentos e Cursos.



Nossos Valores


    EXCELÊNCIA com simplicidade
    COMPROMETIMENTO com todos os serviços que oferecemos
    HONESTIDADE com as informações, negociações e parcerias
    RESPEITO a todos que se beneficiam do nosso trabalho


Nosso Objetivo

Levar a melhor informação com objetivo ideal, e o mais importante um preço competitivo tornando nosso trabalho acessível à empresa de pequeno, médio e grande porte.

Entre em contato conosco e conheça mais sobre nossas atividades!

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Campinas SP

 

 

 

 

Treinamentos que ajudam a todos a encontrar seu verdadeiro potencial

Qual é o fator decisivo para sua FELICIDADE?


Quantas coisas em sua vida pessoal ou profissional você quer mudar, sabe o que fazer, mas continua repetindo as mesmas experiências? Quantas vezes você prometeu para si mesmo, ou para alguém, que iria mudar determinado comportamento, mas que em poucas horas repetiu o mesmo “erro” ?


O que vem 
impedindo você de mudar o que realmente quer na sua vida?

 

Treinamentos e Cursos 

 

Liderança

Vendas 

Oratória

Gestão de Pessoas

Primeiros Socorros

C.I.P.A

 


Solicite agora uma proposta



CONTATO

 

Contato

Nossos Parceiros